Irerê

09fev09

irere-1-of-1

Essa marreca piadeira (ou seria um marreco?) cuidava de suas marrequinhas quando fiz a moita para umas codaques. Ela ocupava as águas de um açude nas proximidades do Cerro dos Vilanovas, que fica para os lados de São Martinho. 

Aqui na Boca do Monte começa, aos poucos, a piação de marrecos maiores. Ah, se eles cuidassem da marrecada do mesmo jeito que a irerê acima!

John Dunning & William Belton, por sinal (no “Aves Silvestres do Rio Grande do Sul“) diz que viu um casal de adultos com vinte filhotes perto de Uruguaiana “e um adulto solitário, cuidando de vinte e um filhotes, em fins de abril, na região de Rio Pardo”. 

Quanto mais a gente conhece os bichos…

Daqui a uns tantos eu mostro o resto da família da Irerê (“Dendrocygna viduata“, segundo o John).

Anúncios


No Responses Yet to “Irerê”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: