Roque

06mar09

“A qualquer momento, ele será removido para dar lugar a um condomínio de luxo, e parte dos comerciantes será transferida para um novo mercado, que já está em construção a 50 quilômetros dali, no extremo oposto da cidade. Ninguém sabe quão pacífica será a desocupação.”

A frase acima é sobre Angola, onde há um mercado popular, chamado de “Roque Santeiro”, em fase de remoção. Qualquer semelhança com a Boca do Monte é pura coincidência. Afinal, aqui não tem MPLA nem mulata angolana cantada por Chico. O tema foi abordado pela National Geographic, bem na hora que eu pensava fazer umas codaques do nosso camelódromo. Daqui e dali caí nessa matéria. 

A ver quão pacificamente o pessoal do Cézar vai conseguir a transferência.

O Titi já sugeriu outra ocupação para o Cine Independência. Será que já desistiram de fazer o Roque?

Anúncios


No Responses Yet to “Roque”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: