O golpe. Agora sim.

17abr09

Meu caro Claudemir, o tumulto que mencionastes ontem está começando. Infelizmente eu tinha razão. Veja o que diz o Artigo 6 da tal da irresolução de uma tal de Comixão Deseleitoral:

“Dos Votantes: São votantes: os docentes do quadro da UFSM, ocupantes de cargo efetivo, em efetivo exercício nos termos do artigo 97 e 102 do Regime Jurídico Único, e docentes aposentados”. 

Assim, os docentes ativos e aposentados  são um dos terços.

Ontem eu disse aqui no blogue que haveria um golpe nas eleições. Aí está.

 Se fosse apenas um golpe nas eleições, bastariam alguns mates e uma volta de lambreta para me acalmar. Mas é muito mais do que isso. Senão, vejamos:

O DCE deu um golpe nos estudantes, pois não convocou um Conselho de DAs para referendar uma decisão que é um acinte aos estudantes pela absoluta falta de isonomia. Como é então que um ex-professor e um ex-servidor pode votar e um ex-aluno não? Covardemente – pois é isso que eles são – o DCE tomou uma decisão de cúpula sem consultar os DAs. Enterrou de vez o pouco que lhe restava de respeito.

A Assufsm fez alguma assembléia para discutir o assunto? Que eu saiba, não. Os iluminados representantes da cuja na Comissão decidiram por suas cabeças. Cabeças?

Agora, a Sedufsm, que tanto preza o pensamento crítico e que tanto valoriza as bases e os associados, fez alguma assembléia para discutir o assunto? Que eu saiba, não. Os iluminados representantes da cuja na Comissão decidiram por suas cabeças. Cabeças? 

A Comixão Deseleitoral, por sinal, é anônima, pois o cambalache que publicaram hoje não traz o nome de ninguém.  Deveria ser chamada de Comissão de Desmonte do Que Resta da UFSM. 

Fico sem escolha diante desse tipo de desvairio. Só me resta abrir a boca.

Ah, e pedir minha desfiliação do Sindicato.

Anúncios


2 Responses to “O golpe. Agora sim.”

  1. Me enganei. Ou fui enganado. O fato é: não era boato. Que diabo, quais são os objetivos? Não sou do campus, não voto, mas não sou cego – embora careca. Nem surdo. De resto, professor, embora não seja saudosista, não dá pra esquecer do movimento estudantil do fim dos anos 70, início dos 80. Como diria aquela propaganda, quaaaaanta diferença. O que não desculpa o meu engano. Sim, não era boato.

  2. 2 ronairocha

    Ou seja, quem lucra com isso? Prefiro nem pensar. O que me apavora é o fato que todos perdemos com esse barateamento da “democracia” que, imagino, seja o argumento que não foi ainda apresentado por essas desentidades.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: