Promemória

31ago09

Pior que falta de vergonha é falta de memória, dizia o velho Capistrano de Abreu. No Brasil morreu muito mais gente do que nos EUA em conflitos civis (Cabanadas, Baianadas, Farroupilhadas, etc), mas os EUA é que leva a fama de país violento. A história do Detran começou em 2004 com o governo Rigotto, que tocou bandas e fanfarras no campus da Ufesm. Depois, a mesma Ufesm sediou a coordenação do Projovem. Depois que ninguém mais quis essa duvidosa liderança na Ufesm a Fundae foi convencida pelos pensadores a assumir tamanha responsabilidade em todo o território farroupilha e na distante e calorenta cidade de Porto Velho, RO. Era a retomada da Operação Rondon, rebatizada de Rondônia.
Vou tacar meu dente são numa morcilha branca, que ninguém é de ferro.

Anúncios


No Responses Yet to “Promemória”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: