Dois cursos ao mesmo tempo

15out09

Em 1985 a administração Benetti, na UFSM, discutiu e aprovou a proibição de um mesmo aluno da instituição ocupar duas vagas na mesma. A medida, aprovada no CEPE, preservava o direito de quem cursava mais de uma graduação, mas vedava essa possibilidade aos novos vestibulandos. Muita gente chiou, mas a medida vingou durante toda a gestão do Prof. Benetti e mais um tanto adiante. Em algum momento posterior alguém ou muitos no CEPE cederam e deu no que deu. Hoje tem gente que faz três cursos superiores gratuitos ao mesmo tempo.
Os deputados e senadores, em 2009, estão voltando no tempo. Volta a regra que foi proposta na gestão Benetti, ali pelos anos de 1985. A cada cidadão, uma vaga para um curso superior.
Naquele tempo se pensava no sentido de uma universidade pública e gratuita.
Quem sabe nem tudo está perdido? Só que não me lembro de haver protestos sobre isso ultimamente.

Anúncios


5 Responses to “Dois cursos ao mesmo tempo”

  1. Eu não consigo ver claramente o sentido dessa proibição. A imagem que me vem a mente quando se fala em um quadrado pra cada pessoa é a de uma sociedade bem organizadinha, onde cada coisa existe com uma finalidade, um paraíso teleológico possível apenas nos pesadelos de Huxley ou nos sonhos de Platão e outros totalitaristas. Esse tipo de medida parece um ataque à “condição do cidadão liberal” e ao paraíso artificial da democracia. Logo cada um terá (caso tenha condições para isto) o seu único quadrado – e, vale dizer, só poderá fumar seus cigarros (nem me refiro aos do capeta) dentro desse quadrado.

  2. Conhece mais detalhes sobre essa proposta, professor? Apenas mais de uma graduação estará proibida ou vale para qualquer tipo de curso superior?

  3. 3 ronairocha

    Não li o texto final do projeto. Creio que permite apenas um curso de graduação em universidade pública. Quando pensamos essa medida, em 1985 – eu fui um dos defensores e implementadores dela – a idéia que nos movia não era a de enquadrar cada um num quadradinho, e sim coibir um mesmo cidadão de ocupar dois ou três quadrados ao mesmo tempo, enquanto outros, com um rendimento pouco menor no vestibular, ficavam de fora, dentro de nenhum quadradinho. Era essa a idéia. Saudações redondas ao Victor e Bruno.

  4. olá ronái, como vais?
    eu tenho uma sugestão singela.
    o sujeito nasce no brasil (ou ganha o brevê de brasileiro em algum rincão deste vasto mundo).
    os médicos de plantão (ou os aduaneiros de plantão) tatuam um número no antebraço do sujeito.
    um dia, lá pelos 16, 17 anos ele se apresenta no guichê de uma universidade pública brasileira, qualquer uma, não importa.
    o porteiro da tal universidade pública brasileira passa um leitor de código barras no braço do tal sujeito e confirma a entrada.
    a partir daí ele tem direito a um vestibular grátis, a um curso grátis, a um física 1 grátis, a um filosofia 1 grátis, a um pedagogia 1 grátis, a um medicina cerebral 1 grátis, a um engenharia de minas 1 grátis, a um advocacia geral da união 1 grátis, e assim por diante.
    se o sujeito muda de idéia, de curso, reprova em alguma disciplina, abandona a vida e os projetos, fazer o quê?
    um estafeta chega e diz para o sujeito que agora ele tem de pagar pelo que recebe. vagabundagem nunca mais.
    é incrível como pessoas acreditam ter valor defender a idéia de que é possível um sujeito fazer vários cursos grátis na universidade. só no brasil mesmo. é mesmo uma sonora bobagem.
    bom meu caro, como você diz, agora eu vou logo ali roer um pedaço de carne, enquanto a malta ignara tenta entender o que está certo neste mundo…
    abraços véio.
    aguinaldo

  5. 5 Ivan Zolin

    Professor Aguinaldo!

    Nosso país ainda não tem uma carteira única de identificação nacional. O que existe é um número único de CPF, é claro que isso é mais importante, afinal identifica os contribuintes de impostos.
    O Estado está mais preparado para cobrar do que oferecer oportunidades aos cidadãos.
    Vai demorar algum tempo até chegar às Universidades.

    Ivan Zolin


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: