Operário em construção

17maio10



Seu José nasceu em Santiago, onde, aos 12 anos começou a trabalhar em construção civil, como ajudante de ajudante de pedreiro. Franzino, mal conseguia transportar o balde de areia. Em 1986 veio para Santa Maria. Hoje tem 51 anos.
Hoje, 17 de maio, ele chegou cedo ao campus da Ufesm, para assumir a função de mestre-de-obras da Biblioteca de Humanidades. Hoje, 17 de maio, a Ufesm começa a ganhar uma nova biblioteca. O prazo de conclusão é de um ano, mas seu José tem algum ceticismo. “Eu preciso de vinte e cinco homens trabalhando aqui, mas não se consegue gente!” O mercado de trabalho na área funciona assim: um pedreiro ganha 784 reais, um servente ganha 540. Com os descontos, cai para uns 480. Tirando mais trinta reais das passagens, fica em 450,00 reais. Não há quem queira. “Esses dias fui na casa de um amigo que é pedreiro e ele estava fazendo almoço. Era arroz, só, branquinho, nem um grãozinho de carne dentro.”
Seu José estudou até a quarta série; eram oito irmãos e poucos terminaram a escola. Conseguiu reverter a história. Ele teve apenas duas meninas. A primeira está terminando o médio com 15 anos, a segunda está por entrar na escola. “Se eu pudesse fazia com a menor a mesma coisa que aquela menina que foi miss mundo, com cinco anos já estava na escola, mas aí, no meu caso fica dificil, pois tem que ser em escola pública, e eles só aceitam as crianças depois de 6 anos e meio. E ela já escreve até emendado e lida no computador da irmã.” Computador?, eu pergunto. Sim, seu José comprou um computador para ajudar nas tarefas escolares da filha. Agora está querendo trocar o plano de internet, por um mais conveniente. “O que a gente pode deixar de riqueza para os filhos é o estudo”. Ele anota mais uma carga de terra e conta sobre os cursos que conseguiu pagar para a filha.
Seu José vai deixar uma riqueza muito grande para a Ufesm, a Biblioteca de Humanidades da UFSM. Daqui a um ano, no próximo aniversário da cidade, quem sabe, a gente vai estar inaugurando-a.
Vou pedir ao Prof. Koff que não esqueça de convidar para a festa o Seu José, pelo menos.

Anúncios


2 Responses to “Operário em construção”

  1. 1 Athos

    Ronai.

    Certamente em um ano teremos vários doutores para inaugurar a obra, discursos exaltados e fachos de câmaras e microfones em punho.
    Um amigo comentou, certa vez, que a sociedade se divide nos que fazem e nos que assinam. Ele ficava no lado dos que fazem, pois no lado dos que assinam a concorrência é muito grande.
    Seu José é dos que fazem.
    A propósito, na inauguração da Cesma, convidamos todos os trabalhadores para a solenidade, inclusive o mestre de obras para ocupar um lugar à mesa. Mas, por constrangimento ou timidez, eles não compareceram. Mas, nesse caso, eles empataram com o reitor de então, que também não compareceu…
    Tomara que o Seu José aceite a homenagem.

    Athos

  2. “O que a gente pode deixar de riqueza para os filhos é o estudo”. Esse é também o imperativo de meu pai, ex-maquinista da RFFSA, hoje aposentado. Mas que em 2003 chorou quando eu passei no PEIES pra Filosofia na Ufesm.

    Pena que muito provavelmente não vou estar em condições de desfrutar por muito tempo do produto do trabalho de seu José, quando estiver pronto ao lado do CCSH. Por “biblioteca do CCSH” minha única referência é aquela sala com estantes de livros de psicologia, na antiga reitoria, onde (mal) me iniciei na escola de um médico vienense, de maneira diletante há uns anos. Mas isso não é filosofia. Então acho que não será só o caso de erguer as paredes pra biblioteca ficar pronta, mas o senhor pode me informar melhor sobre isso.

    De qualquer maneira, prometo sugerir o convite ao seu José ao professor Koff, caso o encontre no Itaimbé qualquer dia, enquanto passeamos com nossos cuscos.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: